Bolo de Laranja de O Sorriso da Hiena

Aprenda fazer o Bolo de Laranja presente no livro “O Sorriso da Hiena” e saiba mais sobre esse romance policial nacional de Gustavo Ávila

 

 

É possível justificar o mal quando há a intenção de fazer o bem?

Essa é a pergunta chave do livro “O Sorriso da Hiena” do Gustavo Ávila. Mas o livro não responde a esta pergunta não. Cabe a você, leitor, decidir e refletir sobre esta resposta.

Hoje eu vou fazer o Bolo de Laranja presente na obra e falar mais sobre esse livro que, ó, tirou o meu sono.

 

Tirando os livros da Agatha Christie que eu devorei durante a infância, eu admito que nunca tive muito interesse em romances policiais. Até que me deparo com “O Sorriso da Hiena”, do Gustavo Ávila.

Um livro que eu li numa sentada. É verdade. Eu li em um dia. A escrita é tão envolvente e a história tão intrigante que você só consegue parar quando termina.

A história presente no livro é contada através de três perspectivas.

A de Artur, um detetive excêntrico, que leva tudo ao pé da letra, mas extremamente talentoso. Ele começa a investigar uma série de assassinatos com o mesmo padrão. A criança de oito anos de idade assiste ao assassinato dos pais. O pai tem a língua cortada. E a mãe morre com um tiro.

Estas crianças são encaminhadas para William. Um psicólogo especializado em crianças que sofrem grandes traumas. William estuda como eventos violentos podem moldar o caráter desses pequenos. Só que, ao contrário de muito romances policiais em que o mistério se dá justamente por conta da descoberta do assassino, em “O Sorriso da Hiena” nós já o conhecemos logo de cara.

Trata-se de David, que quando tinha oito anos de idade presenciou os pais serem assassinados. E agora ele vai repetir o mesmo crime com cinco famílias para tentar entender se todas essas crianças serão igualmente afetadas por este trágico acontecimento. Ele quer entender se o que ele se tornou é ligado diretamente a este trauma pessoal.

E para isso, ele faz a proposta para William.

Eu vou cometer esses assassinatos, você topa analisar estas cinco crianças envolvidas para ver se este trauma moldará negativamente o caráter delas? Elas se tornarão pessoas más?

William então tem um dilema ético e tanto na sua frente. Apesar de aqui, neste resumo, esta ideia pode parecer completamente absurda, ao longo do livro surgem vários questionamentos na sua cabeça.

Nos tornamos uma pessoa ruim porque queremos ou porque o meio em que vivemos nos transforma? Os dilemas por trás deste conflito entre ética e ciência são justificáveis? E, claro, é possível justificar o mal quando há a intenção de fazer o bem?

O bolo de laranja

Em determinado momento da história, William se encontra com os tios de uma das crianças que assistiu ao assassinato dos pais. São pessoas simples e muito boas e durante um café da tarde com bolo de laranja e café, eles conversam sobre o ocorrido. Acontece é que é durante este café que William tem um momento de epifania muito importante.

Ele começa a se questionar. Ele está compactuando com um assassino para poder trabalhar a psiqué humana. Isto é certo? E ai, na volta para casa ele tem uma catarse, pisa no acelerador, tira o cinto, e dirige que nem um louco e quase se envolve num acidente. Quando ele volta a si, ele vê o bolo de laranja que a família deu pra ele levar pra casa e ele come aquele bolo desesperadamente, como se aquilo pudesse preencher aquele enorme vazio que ele sente no peito.

O Sorriso da Hiena” é o primeiro livro do Gustavo Ávila e foi lançado pela primeira vez de forma independente em 2015 e agora acabou de ser relançado pela Editora Verus. O livro foi um sucesso desde sempre e teve seus direitos adaptados pela Rede Globo.

Bolo de Laranja
Avalie essa receita
Imprimir Receita
Tempo de preparo
40 min
Tempo de preparo
40 min
Ingredientes
  1. 4 ovos
  2. 2 xícaras de chá de açúcar
  3. 1 xícara chá de óleo
  4. Suco de 2 laranjas
  5. Raspas da casca de 1 laranja
  6. 2 xícaras de chá de farinha de trigo
  7. Para a cobertura
  8. 4 colheres de sopa de açúcar
  9. Suco de uma laranja
  10. 1 colher de sopa de amido de milho
Modo de Preparo
  1. Bata no liquidificador os ovos, o açúcar, o óleo, o suco e a casca da laranja
  2. Passe para uma tigela e acrescente a farinha e o fermento, mexendo com delicadeza
  3. Coloque a massa numa forma untada com manteiga e farinha e leve ao forno médio por 40 minutos
  4. Enquanto isso, faça a cobertura
  5. Dissolva o amido de milho no suco de laranja
  6. Leve ao fogo médio e acrescente o açúcar
  7. Mexa até ferver e engrossar
  8. Cubra o bolo com a cobertura
Capitu vem para o jantar http://capituvemparaojantar.com/
E ai, gostou do Bolo de Laranja? Quer falar mais comigo sobre O Sorriso da Hiena? Ou sobre a receita? Ou sobre o assunto que é muito interessante? Comenta aí pra gente papear!

Não esquece de assinar o canal para ajudar o Capitu Vem Para o Jantar. É só clicar aqui!

Quer ficar por dentro de todas as novidades?

Então não esquece de curtir o Capitu Vem Para o Jantar no Facebook, Instagram e seguir o canal no Youtube.

Até a próxima receitinha!

<3

 

 

Denise Godinho

Meu nome é Denise Godinho. Decidi aprender a cozinhar e, para a empreitada ser mais interessante, vou fazer as receitas que estão escondidas dentro dos livros. E, acredite, são muitas!

Share This