Quem Tem Refluxo Pode Comer Carne Vermelha

Quais carnes quem tem refluxo pode comer?

Alimentos de origem animal – Quem tem refluxo pode comer alimentos de origem animal como leite e seus derivados, mas estes precisam ser desnatados, ” A gordura retarda a digesto e aumenta a produo de cido, por isso, ao consumir leite ou derivados lcteos, importante que sejam desnatados.

Dessa forma, seu organismo far a absoro dos alimentos sem causar a irritao gstrica “, explica Camila Marques. Alm do leite, quem tem refluxo tambm pode comer carnes brancas como frango e frutos do mar como peixes e camaro, Essas carnes possuem baixo teor de gordura e ajudam a reduzir os efeitos do refluxo.

Mas importante que elas sejam preparadas de forma saudvel, de preferncia cozidas ou assadas.
Ver resposta completa

Pode comer carne vermelha com refluxo?

Gordura – A gordura é uma substância que fica por muito tempo no estômago. E, enquanto é digerida, o estômago continua produzindo ácidos para digeri-la. Por isso, é melhor evitar alimentos muito gordurosos. Ou consumir aqueles que tragam benefícios junto à gordura.
Ver resposta completa

Quais são os piores alimentos para quem tem refluxo?

Bebidas gaseificadas: refrigerantes e água com gás, pois aumentam a pressão dentro do estômago; Pimenta: irrita a mucosa gástrica e aumenta a acidez; Carboidratos simples: farinha, macarrão e pão, pois diminuem a força do esfíncter que fecha a passagem entre o estômago e o esôfago.
Ver resposta completa

Quem tem refluxo pode comer carne de boi assada?

Azia, sensação de queimação, dor no peito, regurgitação e tosse crônica. Esses são os principais sintomas da doença do refluxo gastroesofágico (DRGE), que acomete de 12% a 20% dos brasileiros. Embora seja causada por uma falha no esfíncter, a enfermidade pode ser evitada e tratada pela mudança de hábitos alimentares e pelo controle de peso – e, nesse sentido, atividades físicas regulares e moderadas ajudam indiretamente e devem fazer parte do tratamento preventivo.

Abaixo, daremos uma lista de alimentos que devem se evitados e ensinaremos três receitas que não agridem o trato gastrointestinal, com ajuda da nutricionista Daniela Nardi: gratinado light de carne moída e couve-flor; torta proteica de vegetais; e molho de chia. Alimentos gordurosos pioram os sintomas do refluxo, com azia e queimação — Foto: Istock Getty Images – O refluxo ocorre quando o líquido ácido do estômago sobe para o esôfago, em direção à boca, o que causa sensação de dor e queimação, principalmente após as refeições.

Isso acontece quando o esfíncter, músculo que deveria impedir que o ácido do estômago saia do seu interior, não funciona de forma adequada – explica Daniela Nardi. De acordo com Nardi, quem sofre com essa doença crônica deve evitar alimentos gordurosos, como, por exemplo, carnes vermelhas, salsicha, mortadela, batata frita, queijos amarelos, manteiga e iogurtes.

  1. A nutricionista ainda recomenda deixar de lado as bebidas alcoólicas e gaseificadas, que aumentam a produção de ácido e a pressão no estômago.
  2. Além disso, a especialista afirma que alimentos com cafeína, pimentas ou menta devem ser retirados do cardápio, uma vez que podem irritar a mucosa do estômago.

– Ter uma alimentação adequada é essencial para quem tem refluxo, a fim de reduzir a quantidade de ácido no estômago. O problema de alimentos gordurosos é que a digestão é feita de forma mais lenta, e esses alimentos permanecem por mais tempo no estômago, retardando o esvaziamento gástrico e aumentando a produção de ácido e a probabilidade dos aparecimentos dos sintomas do refluxo – conta a nutricionista.

  • Carnes vermelhas
  • Salsichas
  • Mortadela
  • Batata frita
  • Molho de tomate
  • Molhos industrializados
  • Maionese
  • Croissant
  • Biscoitos
  • Bolos
  • Pizza
  • Queijos amarelos
  • Manteiga e margarina
  • Banha de porco
  • Bacon
  • Iogurte integral

Alimentos com cafeína que devem ser evitados:

  • Café
  • Chá preto
  • Chá verde
  • Chá mate
  • Refrigerantes
  • Bebidas energéticas
  • Chocolate

Aa nutricionista Daniela Nardi ensina abaixo três receitas deliciosas e saudáveis para quem sofre constantemente com o refluxo gastroesofágico. Confira! Gratinado light de carne moída e couve-flor Aprenda a fazer um delicioso gratinado de couve-flor e carne moída — Foto: Gshow

  • 800 g de couve-flor cozida
  • 400 g de carne moída magra ou frango cozido e desfiado
  • 6 dentes de alho picadinhos e 1 cebola grande picada
  • 1 tomate grande picado sem sementes e com pele
  • Azeite extravirgem, orégano, salsinha, sal marinho e cebolinha a gosto
  • 10 tomates-cereja cortados ao meio
  • Gergelim torrado para polvilhar
  1. Cozinhe a couve-flor em água quente até ficar macia. Escorra e amasse com um garfo, grosseiramente. Separe. Refogue metade da cebola picada, do alho e do tomate. Quando estiverem cozidos, junte a couve-flor e deixe apurar. Tempere com sal e reserve.
  2. Em outra panela, refogue a outra metade da cebola, do alho e do tomate, acrescente a carne moída, um pouco de orégano e sal. Cozinhe até a carne dourar e o líquido secar. Misture a salsinha e a cebolinha.
  3. Unte com azeite um refratário que vá ao forno e faça uma camada de couve-flor; cubra com a carne moída, espalhe parte dos tomatinhos cortados ao meio e coloque uma nova camada de couve-flor. Polvilhe orégano e gergelim para finalizar.
  4. Leve ao forno 180º C pré-aquecido por 30 minutos. Retire, decore com os tomates-cereja restantes e volte mais 10 minutos ao forno ou até dourar.

Fonte: nutricionista Daniela Nardi Torta proteica de vegetais Para quem não quer abrir mão de massas, a torta de legumes é a opção mais saudável — Foto: iStock

  • 1 xícara de farinha de trigo integral
  • 1/2 xícara de aveia em flocos finos
  • 3 ovos
  • 1 xícara de leite de soja não adoçado ou outra versão de leite vegetal
  • 1 xícara de tofu firme ou ricota fresca
  • 1/2 xícara de azeite de oliva extravirgem
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó
  • 1 colher (chá) de sal marinho
  • 2 xícaras de tomate-cereja
  • Folhas de manjericão
  • 1/2 maço de couve fatiada grosseiramente
  • Sal marinho a gosto
  1. Bata todos os ingredientes (exceto o fermento) até ficar uma massa cremosa e homogênea. Quando der o ponto, acrescente o fermento e bata mais um pouco para misturar.
  2. Na assadeira untada com azeite, coloque a massa e cubra com o recheio, dando uma leve misturada para afundar os tomatinhos e folhas.
  3. Asse no forno a 180º C de 35 a 40 minutos.
You might be interested:  Qual A Melhor Carne Pra Fazer No Bafo?

Com apenas quatro ingredientes, você pode fazer um molho saudável — Foto: Thinkstock/Getty Images

  • 1 colher (sopa) de semente de chia
  • 1/2 cebola ralada
  • Suco de 1 limão
  • Sal marinho a gosto

Observação: o limão só deve ser adicionado por aqueles que não apresentam desconforto gástrico com cítricos.

Misture todos os ingredientes e sirva em seguida.

Fonte: nutricionista Daniela Nardi Fonte: Daniela Nardi é nutricionista, especialista em emagrecimento, saúde e bem-estar digestivo. Trabalha com intolerância e alergias e cozinha saudável e planejamento.
Ver resposta completa

Pode comer carne moída com refluxo?

4. Proteínas – Quando se trata de proteínas, carne moída ou purê, carne de porco e aves protegerão o esôfago, assim como os caldos feitos com esses ingredientes. Evite carne seca, bacon, linguiça ou salsicha e carne temperada com pimenta. Peixe branco desossado, como merluza e tilápia, também será fácil de engolir.

Algumas pessoas com esofagite se dão bem com ovos mexidos suaves. Se o esôfago estiver irritado como sintoma de uma doença subjacente ou do tratamento de uma doença, é especialmente importante que os pacientes mantenham uma boa nutrição e peso corporal para se recuperar mais facilmente, permanecendo em boa saúde.

Por fim, seguindo essas orientações alimentares você estará protegido contra possíveis irritações causadas pela esofagite. Mas, se ainda restam dúvidas, converse com seu médico sobre uma dieta de alimentos moles esofágicos e quaisquer orientações extras, quando sofrer de alguma condição desencadeante.
Ver resposta completa

Quem tem problema de refluxo pode comer tomate?

Dieta na doença do refluxo gastroesofágico – O que EVITAR Pratos condimentados, picantes e até mesmo com extrato de tomate podem piorar a queimação durante o refluxo.
Ver resposta completa

O que faz piorar o refluxo?

Refluxo gastroesofágico | Biblioteca Virtual em Saúde MS Refluxo gastroesofágico é o retorno involuntário e repetitivo do conteúdo do estômago para o esôfago. Os alimentos mastigados na boca passam pela faringe, pelo esôfago (um tubo que desce pelo tórax na frente da coluna vertebral) e caem no estômago, situado no abdômen.

  1. Entre o esôfago e o estômago, existe uma válvula que se abre para dar passagem aos alimentos e se fecha imediatamente para impedir que o suco gástrico penetre no esôfago, pois a mucosa que o reveste não está preparada para receber uma substância tão irritante.
  2. Crianças pequenas podem apresentar episódios de refluxo em virtude da fragilidade dos tecidos existentes na transição entre o estômago e o esôfago.

Na maioria dos casos, o problema desaparece espontaneamente.

Sintomas: – azia ou queimação que se origina na boca do estômago, mas pode atingir a garganta; – dor torácica intensa, que pode ser confundida com a dor da angina e do infarto do miocárdio; – tosse seca; – doenças pulmonares de repetição, como pneumonias, bronquites e asma. Causas: – alterações no esfíncter que separa o esôfago do estômago e que deveria funcionar como uma válvula para impedir o retorno dos alimentos; – hérnia de hiato provocada pelo deslocamento da transição entre o esôfago e o estômago, que se projeta para dentro da cavidade torácica; – fragilidade das estruturas musculares existentes na região. Fatores de risco: – obesidade: os episódios de refluxo tendem a diminuir quando a pessoa emagrece; – refeições volumosas antes de deitar; – aumento da pressão intra-abdominal; – ingestão de alimentos como café, chá preto, chá mate, chocolate, molho de tomate, comidas ácidas, bebidas alcoólicas e gasosas.

Diagnóstico: O diagnóstico leva em conta os sintomas clínicos. A endoscopia digestiva alta e a pHmetria são exames importantes para estabelecer o diagnóstico definitivo. Tratamento: O tratamento pode ser clínico ou cirúrgico. O clínico inclui a administração de medicamentos que diminuem a produção de ácido pelo estômago e melhoram a motilidade do esôfago.

Paralelamente, o paciente recebe orientação para perder peso, evitar alimentos e bebidas que agravam o quadro, fracionar a dieta, não se deitar logo após as refeições e praticar exercícios físicos. A cirurgia pode ser realizada de maneira convencional ou por laparoscopia e está indicada nos casos de hérnia de hiato, para os pacientes que não respondem bem ao tratamento clinico ou quando é necessário confeccionar uma válvula antirrefluxo.

Ela é sempre um procedimento adequado, quando a repetição do refluxo gastroesofágico provoca esofagite grave, uma vez que a acidez do suco gástrico pode alterar as células do revestimento esofágico e dar origem a tumores malignos. Recomendações: – não se automedique se tiver episódios repetidos de azia ou queimação.

Procure assistência médica para diagnóstico e tratamento adequados; – evite alimentos e bebidas, especialmente as alcoólicas, que favorecem o retorno do conteúdo gástrico; – fique longe do cigarro; – procure perder peso; – não use cintos ou roupas apertadas na região do abdome; – não se deite logo após as refeições; – distribua os alimentos em pequenas quantidades por várias refeições (café da manhã, almoço, lanche da tarde e jantar); – faça refeições mais leves.

Sente-se e coma sem pressa, mastigando bem os alimentos; – aumente a salivação com gomas de mascar ou balas duras. A saliva pode aliviar a dor; – não ponha o bebê na cama assim que acabar de mamar. Mantenha-o em pé no colo até que elimine o ar que deglutiu durante a amamentação.
Ver resposta completa

Quem tem problema de refluxo pode comer pão?

Tire todas as dúvidas durante a consulta online – Se precisar de aconselhamento de um especialista, marque uma consulta online. Você terá todas as respostas sem sair de casa. Mostrar especialistas Como funciona? Quem Tem Refluxo Pode Comer Carne Vermelha A questão não é o pão em si, mas todo o processo inflamatório que seu corpo apresenta. É preciso tratá-lo com alguns cuidados como a retirada de alguns alimentos irritantes da mucosa e inserção de um tratamento para refazer sua parede, para que você não sinta mais dor ou desconforto.

Fazemos a eliminação e depois reintrodução de alimentos. A presença ou não de H pilori faz bastante diferença, pois é preciso eliminar o bichinho. Assim, vamos eliminando os sintomas e construindo novos hábitos. O pão pode até ser consumido com parcimônia caso você não perceba que ele piore os seus sintomas gastrointestinais.

A dieta como um todo tem que ser balanceada. O ideal seria uma consulta com profissionais nutricionista e gastro para avaliar o que de fato está lhe causando esse mal, e montar uma dieta própria para você. Pergunta comum, ainda mais agora que estamos passando por um mundo novo,uma doença que ameaça a finitude da vida.

Organização e planejamento da vida com uma alimentação regrada, lhe trará um conforto gástrico, e interromper esse ciclo. Depende se o pão realmente for integral. E é necessário avaliar as causas do gastrite/esofagite. Dependendo pode ser necessário restringir trigo, inclusive trigo integral (presente no pão integral).

O ideal é buscar atendimento nutricional. O ideal seria procurar um profissional nutricionista para que ele possa avaliar a situação como um todo. Porque depende muito dos sintomas de desconforto que cada alimento proporciona. Se os sintomas de dor forem muito constante, recomendo começar com uma dieta líquida leve, muito cuidado com a temperatura dos alimentos para não agredir ainda mais a mucosa, e, depois começar a inserir os alimentos sólidos aos poucos.

  1. Mas é muito importante que retire da sua dieta produtos industrializados principalmente temperos prontos e refrigerantes.
  2. É muito importante se manter em posição ereta após a realização das refeições, pelo menos uma hora, sentado ou em pé! É preciso tratá-lo com alguns cuidados como a retirada de alguns alimentos irritantes da mucosa e inserção de um tratamento para refazer sua parede, para que você não sinta mais dor ou desconforto.
You might be interested:  Sinal De Carne Na Virilha O Que Pode Ser?

Olá, não tem problema algum em comer pão integral. Você deve retirar alimentos muito condimentados, com muita pimenta, além de chocolate, fritura, industrializados e refrigerantes.Uma alimentação natural é fundamental. Espero ter ajudado abraços Te convidamos para uma consulta: Nutrição clínica funcional – R$ 400 Você pode reservar uma consulta através do site Doctoralia, clicando no botão agendar consulta. Thiago Sivieri Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral, Gastroenterologista São José do Rio Preto

gastrite crônica leve em atividade neutrófilica oque é? Olá, a minha pergunta é: Borda de úlcera gástrica crônica, em atividade, com alterações epiteliais de caráter regenerativo, em mucosa de tipo antral. Sinto dor no estômago a mais de 13 anos já cheguei a ser socorrida, agora minha medica passou os exames e estou na espera. Estou em tratamento com o remédio que ela passou Omeprazol mais parece que pioro a dor lamentou e ta uma seção que tudo esta emframado doi muito. Estou com edema enamentosa leve de antro, qual o tratamento ? O azeite de oliva é ruim pra quem tem gastrite? Porque eu tenho e mandaram eu tirar o óleo de soja, a manteiga e a margarina. Tenho Pangastrite erosiva e queria saber se posso consumir suco de uva integral e derivados do leite, como queijo, iogurte, nata? Tem que seguir a sequência dos medicamentos da receita ou não importa a sequência?.(h pilory) Estou com uma dor de estômago muito intensa como se estivesse com muita fome, junto vem uma dor nas costas forte também, o que pode ser? É verdade que não há mais necessidade de eliminar a hpylori? Tenho gastrite e pedra na vesícula, sinto muita dor no estômago, como saber se a causa da dor é da gastrite ou da pedra na vesícula?

Ver resposta completa

Que fruta faz mal para refluxo?

Frutas como melões, bananas, maçãs e peras são importantes em uma dieta para diminuir as chances dos sintomas do refluxo. No entanto, evite frutas cítricas como laranja, limão e abacaxi, pois, por serem mais ácidas, fazem muito mal para quem está com refluxo.
Ver resposta completa

Quem tem refluxo pode comer ovo frito?

Afinal, quem tem gastrite pode comer ovo ? – A resposta para essa pergunta é sim. O ovo pode ser incluído na dieta de quem tem gastrite, mas desde que seja cozido (ou mexido) e servido apenas com um pouco de sal. O uso de temperos (como pimentas e ervas), azeite ou manteiga – alimentos mais agressivos para o estômago – deve ser cortado nesse período.
Ver resposta completa

Quem tem problema de refluxo pode comer feijão?

1) Priorize os alimentos permitidos – Quem sofre com refluxo precisa seguir uma dieta específica, dando prioridade a alimentos que não intensifiquem os sintomas e que aliviam a condição. Neste sentido, os alimentos com pouca acidez e vegetais frescos são os mais indicados.
Ver resposta completa

Quem tem refluxo pode comer queijo?

Laticínios – Não há proibição de leite e outros produtos lácteos, mas ao comer queijo, selecione opções mais suaves e menos gordurosas, como cream cheese, brie e ricota. O iogurte também pode ser uma boa opção. É possível tomar sorvete com pouca gordura.
Ver resposta completa

Quem tem refluxo pode beber muita água?

O que você deve saber sobre refluxo gástrico – É importante entender que o refluxo gástrico consiste no retorno do suco gástrico a partir do estômago para esôfago. O desconforto ocorre porque o interior do estômago é revestido por uma camada que protege o órgão e evita esse mal-estar.

  • Porém, as paredes internas do esôfago não possuem essa proteção.
  • Por isso, muitas vezes sentimos dor ou aquela sensação chata, chamada de azia.
  • Esse retorno do suco gástrico só irá ocorrer se o estômago estiver muito cheio ou, ainda, se o anel muscular, chamado esfíncter, que fecha o estômago, não estiver cumprindo sua função.
You might be interested:  Quem Ta Menstruada Pode Comer Carne De Porco?

No entanto, o principal ponto dessa história está na quantidade de alimentos ingeridos. Café? Pode. Água? Pode. Contudo, o que não pode é encher o estômago de café ou de água. O que não pode, portanto, é beber café ou água depois de ingerir um monte de alimentos naquele típico almoço de família.
Ver resposta completa

Quem tem refluxo pode comer cenoura?

Alimentos umami, como carnes magras, cenoura e batata, estão entre as opções! Veja uma sugestão de cardápio completo para quem sofre desse problema.
Ver resposta completa

Quem tem refluxo pode comer banana?

Oleaginosas – Essencialmente, as oleaginosas são o grupo de alimentos formado por sementes e grãos ricos em óleos benéficos para a saúde, como o ômega-3, uma gordura boa. Assim, alguns alimentos que enquadram-se nessa categoria – e ótimos para quem tem refluxo, são:

Semente de chia Castanha-do-Pará Pistache Além disso, castanha de caju Macadâmia

Leia também: Obesidade: O que é e como evitar essa doença
Ver resposta completa

Porque a noite o refluxo piora?

Alguns sintomas da doença tendem a piorar ao deitar, como, por exemplo, a sensação de asfixia causada quando o ácido atinge a garganta. Isso faz com que a pessoa acorde durante a noite ou cause uma sequência de pequenos despertares, fragmentando o repouso e diminuindo a sua qualidade.

  • Então, como melhorar a noite de sono quando se tem refluxo? Apesar desses sintomas atrapalharem as noites de sono, existem algumas maneiras de amenizá-los.
  • Mudar o estilo de vida e o comportamento diário podem ajudar a reduzir refluxo na hora de dormir.
  • Cuidado com a alimentação Alguns alimentos e bebidas podem acentuar a incidência de refluxo.

Diminuir o consumo desses produtos é um excelente modo de evitar os sintomas desse problema. Entre eles estão: gorduras e frituras, café, chocolate, bebidas alcoólicas, carboidratos, pimenta e gaseificados. Alguns desses alimentos tem um tempo de digestão maior, aumentam a acidez do estômago e favorecem que o aparecimento dos sintomas durante a noite.

Não deite após comer Ir para a cama logo depois de comer pode causar refluxo. O ideal é finalizar as refeições de duas a três horas antes de dormir. Ao deitar, fazemos pressão dentro do abdômen e estômago, o que faz aumentar as chances do suco gástrico voltar para o esôfago. Durante a espera, busque realizar atividades relaxantes.

A posição na hora de dormir Deitar virado para o lado esquerdo é uma forma de reduzir os sintomas de refluxo. Essa é a posição mais indicada na hora de dormir. Os benefícios são muitos, desde facilitar o processo de digestão até melhorar a circulação sanguínea.

  • Para tanto, é imprescindível a utilização de um travesseiro em altura e suporte adequados para esse posição.
  • Ele deve preencher completamente o espaço existente entre a cabeça e o colchão, deixando pescoço e coluna alinhados e as vias respiratórias livres.
  • Use uma almofada antirefluxo Usada sob o tronco, o Antirefluxo pode amenizar os incômodos do refluxo.

O seu formato triangular mantém o corpo levemente inclinado durante toda a noite, reduzindo as chances do ácido ou do suco gástrico regressarem para o esôfago.
Ver resposta completa

Quem tem refluxo pode ser curado?

O refluxo não pode ser curado integralmente. Mas, é possível controlar seus sintomas através de medicamentos específicos. Existem remédios que auxiliam na redução da acidez do suco gástrico. Outros, amenizam os sintomas do refluxo por meio da cicatrização das lesões, prevenindo assim a evolução do quadro.
Ver resposta completa

Quem tem refluxo pode comer bife de fígado?

Homepage Doenças Refluxo Gastroesofágico Tenho Refluxo Posso Comer Fígado Bovino? Obrigado.

2 respostas Tenho refluxo posso comer fígado bovino? Obrigado. depende mais do preparo e da quantidade, uma porção de 100 gramas grelhada não deve te fazer mal.] Posso tentar lhe ajudar por telemedicina. Te convidamos para uma consulta: Teleconsulta – R$ 90 Você pode reservar uma consulta através do site Doctoralia, clicando no botão agendar consulta.
Ver resposta completa

Quem tem refluxo pode comer bisteca de porco?

Segundo os dois especialistas, as comidas que irritam a mucosa do estômago e devem ser evitadas em momentos de crise são: pimenta, café, molho shoyu, ketchup, salame, carne de porco, mostarda, bebidas alcóolicas e maionese.
Ver resposta completa

Quem tem refluxo pode comer pão francês?

A dieta para o refluxo gastroesofágico deve ser balanceada e variada, sendo importante priorizar frutas, vegetais, leguminosas, cereais integrais, como arroz integral ou macarrão integral, e proteínas magras, como tofu, peixes brancos, ovos ou frango.

No entanto, durante a dieta é recomendado evitar o consumo de alimentos de difícil digestão, que causem gases ou que causem irritação no estômago, como frituras, salgadinhos, carboidratos refinados, como pão branco, refrigerantes, macarrão branco ou doces, e alimentos com cafeína, como café ou chocolate, por exemplo.

O refluxo acontece quando o ácido do estômago sobe para o esôfago, especialmente após as refeições, causando sintomas como queimação, dor ao engolir e regurgitação. O tratamento consiste principalmente em mudar os hábitos alimentares. No entanto, em alguns casos o médico pode recomendar o uso de remédios ou, quando os medicamentos não conseguem aliviar os sintomas do refluxo, o médico pode recomendar a realização de uma cirurgia. Quem Tem Refluxo Pode Comer Carne Vermelha
Ver resposta completa

Quem tem refluxo pode comer carne gorda?

Dieta na doença do refluxo gastroesofágico – O que EVITAR – Por ser uma doença que causa queimaduras no esôfago, alguns alimentos devem ser evitados por quem sofre de refluxo. Comidas e bebidas ácidas, como laranja, abacaxi e limão são alguns exemplos.

  1. Pratos condimentados, picantes e até mesmo com extrato de tomate podem piorar a queimação durante o refluxo.
  2. Existem ainda alguns alimentos que diminuem a pressão do esfíncter esofagiano inferior, causando um relaxamento que facilita o refluxo durante a digestão.
  3. Estão nesta categoria os alimentos gordurosos, desde frituras, maionese e sobremesas, até chocolate, refrigerantes e bebidas alcoólicas.

Café, condimentos como cravo, canela, hortelã,menta e bebidas gaseificadas também estão neste grupo. Considere ainda evitar bebidas e alimentos fermentados ou que são de difícil digestão, como carnes gordas, creme de leite integral, frutas gordurosas (como abacate), milho verde, queijos fortes e concentrados, nabo, ovo cozido, pimentão.
Ver resposta completa